pizzaria-barco-mundo

Casal larga emprego e abre pizzaria em um barco.

Largar o trabalho no escritório para viajar o mundo pode parecer uma decisão relativamente comum. Mas largar o trabalho para abrir uma pizzaria em um barco no Caribe? Essa é uma decisão única, aponta Caroline Praderio, colunista do site Business Insider.

Foi isso que Sasha e Tara Bouis, donos da PiZZA Pi, donos do primeiro barco de pizza no Caribe fizeram. Sasha passava horas trabalhando em Wall Street, enquanto Tara era uma professora do ensino fundamental. Os dois se conheceram nas Ilhas Virgens Britânicas, onde ela ensinava aulas de mergulho no verão.

Por oito anos, eles trabalharam no ramo de iates, até um dia que estavam ancorados em St. Thomas e tiveram vontade de comer pizza. Foi assim que nasceu a ideia da PiZZA Pi, que foi aberta em 2014 e é um sucesso.

O casal comprou um barco de 37 pés, que estava abandonado há quase uma década, e o transformaram em uma cozinha comercial completamente equipada. Por dia, eles vendem uma média de 30 a 40 pizzas e o recorde foi no dia Pi (14 de março), quando venderam 90 unidades.

O barco conta com painéis solares para dar energia para muitos de seus utensílios. Além disso, eles contam com um dessalinizador de água que faz com que a água do oceano possa ser usada para cozinhar. Eles fazem vários sabores especiais de sabores, com lagostas e ingredientes locais, por exemplo.

A pizzaria é listada como o melhor restaurante da ilha de St. Thomas, de acordo com o TripAdvisor. Eles contam com vários consumidores, e um deles já até nadou para pegar uma pizza no barco. O horário de trabalho deles é das 11 da manhã às 6 da tarde.

Fonte: Economia Uol

Participe e deixe seu comentário abaixo.