Conheça o Restaurante que Aceita Pagamentos em Seguidores no Instagram

Hoje em dia os restaurantes vendem mais que comida: vendem uma experiência e também uma imagem. Muitos clientes procuram, ao ir se alimentar fora de casa, um entretenimento de qualidade, um lugar agradável, em que além de oferecer uma boa refeição, seja também oferecida uma boa imagem.

Isso vale mais para alguns do que para outros, mas a verdade é que as fotos de comida viraram parte das redes sociais, criando milhares de adeptos da prática no Brasil e no mundo. Pensando nisso é que um restaurante decidiu oferecer pratos gratuitos para clientes com muitos seguidores que se comprometam a postar uma foto da refeição em suas redes sociais.

Pois é. Quem precisa de dinheiro quando se tem seguidores?

A primeira pergunta é: Eles não saem no prejuízo?

"This Is Not A Sushi Bar" é o restaurante em Milão que oferece pratos de seu cardápio em troca de divulgação no Instagram.

Por mais que a iniciativa do restaurante pareça ousada e até prejudicial para os lucros, ela é segura e inteligente.

A publicidade feita pelos clientes que ficam satisfeitos com a experiência no local é suficiente para atrair centenas de outros consumidores para o estabelecimento. Mesmo que indiretamente, o estabelecimento economiza dinheiro com campanhas publicitárias e ainda deixa seus consumidores contentes.

O restaurante localizado em milão é na verdade uma rede luxuosa chamada “This is Not a Sushi Bar” (Isto não é um Sushi Bar) em que pelo menos 80% do público só faz pedidos para entrega em domicílio.

Algumas coisas não mudam através do tempo: um restaurante lotado é chamariz de clientes.

Sendo assim, um dos objetivos da implementação inusitada é fazer com que o restaurante cative o público de modo a estimulá-los a jantar no local. A iniciativa é fruto dos irmãos Matteo e Tomaso Pittarello, donos da rede.

Boa parte das pessoas que vêem os anúncios fica curiosa e chegam até a questionar a veracidade da proposta. Já não é novidade que empresas utilizam recursos digitais para melhorar seus processos ou atender e atrair mais consumidores. Exemplos disso são a Domino’s e a Zume, que reinventaram o modo de entregar pizzas em domicílio.

Mas eu tenho que concordar, é bastante interessante pagar um jantar com seguidores no Instagram!

Para conseguir jantar gratuitamente é preciso ter quantos seguidores?

O projeto é bem simples: Todos os clientes que têm entre 1.000 e 5.000 ganham um prato grátis. O s que tiverem de 5.000 a 10.000 ganharão dois pratos grátis; de 10.000 a 50.000, quatro; de 50.000 a 100.000, são oito pratos! Além disso, os que tiverem mais de 100.000 seguidores, os considerados “Grandes influenciadores”, poderão comer gratuitamente muitos dos itens do cardápio, com exceção das bebidas e de 12 dos seus pratos.

Para validar sua participação, os clientes têm de postar uma foto de um dos pratos no instagram com a hashtag #thisisnotasushibar e também marcar a página oficial da rede @thisisnotasushibar. Por enquanto o projeto só está valendo em uma das unidades que fica na rua Lazzaro Papi, 6 em Milão.

Em pouco mais de um mês, o projeto fez um sucesso estrondoso na mídia, o que atraiu a atenção de muitos clientes. Dê só uma olhada nas fotos:

Conheça algumas lanchonetes que implementaram projetos que integram tecnologia e alimentação

Hamburgueria em São Francisco Prepara Hambúrgueres Sem Ajuda Humana

É isso mesmo, esta hamburgueria faz deliciosos hambúrgueres personalizados sem utilizar humanos no processo. A lanchonete tem funcionários, mas eles ficam concentrados em outras funções como o atendimento, o reabastecimento do conjunto de máquinas e a limpeza.

Clique aqui para ler mais sobre a Creator e sua invenção!

Aplicativo Próprio Ajuda Pequena Cidade do Interior a Atrair Mais Clientes

Localizada em Mirassol, interior de São Paulo, a hamburgueria Mr. Beef investiu em um Aplicativo Próprio que permite que seus clientes façam seus pedidos diretamente pelo celular. A implementação fez com que a hamburgueria atraísse e fidelizasse clientes que não seriam alcançados de outro modo.

 

Quer saber como funciona o aplicativo próprio do Mr.Beef? Leia o artigo completo clicando aqui.

E você? O que acha de investir em tecnologia para tornar seu restaurante ainda mais atraente e frequentado?

Você também pode fazer como o Mr. Beef e conseguir um espaço exclusivo para o estabelecimento na internet. Para fazer isso é só acessar o site MenuDino e hospedar o seu cardápio em um site customizado para o seu estabelecimento. O Menu Dino é uma Plataforma Para Delivery Online Sem Taxas, com modelo de cobrança que consiste em planos de assinatura.

Você pode optar pela opção que melhor lhe atende: Site, App ou ambos! Além disso, o MenuDino também é inteiramente integrado a um Sistema de Gestão Para Restaurantes altamente funcional e prático de usar, o Programa Consumer.

Clique no Banner e saiba mais sobre como ir até onde os seus clientes estão, isto é, na internet.

O Consumer é gratuito para Download. Mas mesmo sua versão paga oferece um alto custo-benefício, o conjunto de soluções que inclui o MenuDino e o Programa Consumer. Vale a pena dar uma olhadinha.

Conclusão: Tecnologia e alimentação combinam mais do que a gente imagina

Desde pagar uma refeição fazendo um post no Instagram à comer um sanduíche feito por um robô, as propostas por muitos restaurantes têm algo em comum: utilizam tecnologia de forma inovadora e ousada.

Quer ler mais sobre esse assunto? Descubra Como um Barzinho Aumentou Sua Produtividade Usando Uma Comanda Mobile

Este artigo lhe deixou com dúvidas? Tem sugestões ou reclamações? Deixe suas considerações aqui no Blog. Caso tenham surgido dúvidas que dizem respeito ao Programa Consumer e o MenuDino, contate a equipe de atendimento e suporte.

Este artigo foi elaborado com base nas notícias que mencionam o “This Is Not A Sushi Bar”.

Fonte original em italiano: Affaritaliani

Leia mais sobre isso no El Brasil

Participe e deixe seu comentário abaixo.