sistema-para-delivery-app-online

Vantagens e desvantagens de utilizar os aplicativos de delivery online no seu restaurante

Delivery Online: as principais empresas para cadastrar seu restaurante

O mercado de entrega de comida teve um crescimento incrível nos últimos anos, graças à quantidade de aplicativos e websites que reúnem diversos restaurantes e ofertam seus produtos para o consumidor de um modo fácil e prático, tal como uma praça de alimentação virtual. Para os restaurantes, o trabalho extra é, na maioria das vezes, bem-vindo, mas será que é bom mesmo participar do negócio de delivery online de outras empresas?

Os aplicativos de delivery são uma categoria diferente dos aplicativos para restaurantes, que ajudam as pessoas a economizar tempo. Eles funcionam como agregadores, que oferecem a entrega de pedidos para os clientes de muitos restaurantes independentes. Estes aplicativos são simplesmente intermediários entre os consumidores e os estabelecimentos de alimentos.

Os restaurantes podem se beneficiar bastante de apps de pedidos como o iFood e o Hellofood, já que essas ferramentas podem trazer muitos clientes e substituir de forma eficaz o antiquado sistema de pedidos por telefone. Para os consumidores, a principal vantagem que estes aplicativos de delivery oferecem é a praticidade na escolha dos mais variados e deliciosos pratos entregues à sua casa ou escritório a qualquer hora.

Se seu restaurante já oferece delivery ou pedidos para buscar, você pode muito bem estar perdendo uma ótima oportunidade com esse recurso cinco-estrelas que é oferecido como um aplicativo para smarthphone e que também funciona em dispositivos como computadores e tablets.

De acordo com estatísticas recentes, as pessoas confiam mais em equipamentos habilitados para internet para fazer pedidos de comida para levar ou entregar do que outros métodos de pedir. Mas, vamos encarar a verdade: ligar para o restaurante da esquina para fazer um pedido por telefone é simplesmente ultrapassado, inconveniente e tedioso. Confira a seguir algumas das vantagens e desvantagens da implantação de tecnologias como aplicativos de delivery online em restaurantes para as empresas do ramo alimentício e seus consumidores.

aplicativos-delivery-online-restaurantes-02

Como funciona os apps de delivery online do tipo praça de alimentação

A maioria dos aplicativos de delivery online disponíveis no mercado possuem um funcionamento similar. Basicamente, o consumidor baixa o aplicativo, faz um cadastro, digita o seu CEP (ou ativa um recurso chamado geolocalização) para visualizar os restaurantes que fazem entrega na região onde ele se encontra, e faz o pedido para entrega.

A partir daí, o aplicativo envia o comando para o respectivo restaurante e encaminha o status do pedido para o cliente. Dependendo do aplicativo, é possível fazer o pagamento no próprio sistema, por meio do cartão de crédito, evitando os eventuais problemas com a maquininha de cartão na hora da entrega, como falta de sinal ou bateria fraca.

Quanto ao restante, cabe ao estabelecimento o preparo e a entrega do pedido ao consumidor. Além disso, para que o restaurante possa participar dessa praça de alimentação virtual ele deve se registrar no aplicativo escolhido e preencher as informações sobre seu negócio, como horário de funcionamento, área de cobertura do delivery, tempo de entrega estimado e as formas de pagamento que o restaurante aceita. Além disso, o mesmo deve incluir fotos dos produtos e cardápio, e, caso haja, promoções e descontos.

Vantagens desses aplicativos

Em tempos de crise, a maioria dos empresários se preocupa com os efeitos que a instabilidade econômica e política do país trazem ao restaurante, esquecendo que não são os únicos afetados por esta situação, mas também os seus clientes. Durante a crise, as pessoas começam os cortes de gastos, e o primeiro colocado é o entretenimento.

Muitos consumidores deixam de comer fora em função de diversos fatores, como os 10% de serviço com garçom e consumação elevada diante do ambiente acolhedor aliado a reunião com amigos. Contudo, as pessoas não deixam de comer o que lhe agradam, apenas buscam maneiras de economizar. Pensando nisso, oferecer aos clientes a opção de pedir comida em casa torna-se uma idéia atraente e vai além das expectativas de manter as portas abertas num cenário conturbado.

Utilizar aplicativos de delivery online de empresas conhecidas, como iFood, é uma boa idéia para restaurantes que pretendem ingressar no mercado de entregas à domicílio, já que não precisariam ter gastos com desenvolvimento e manutenção de um sistema de pedidos online. Entre as diversas vantagens que esses aplicativos terceirizados oferecem, podemos citar:

  • Os clientes em primeiro lugar: pedir comida online por meio de aplicativos facilita o processo para os consumidores, já que não precisam se deslocar ou esperar em longas filas (e aguardar para ser atendido, mesmo por telefone). Eles podem simplesmente continuar onde quer que estejam, navegar no cardápio, comparar os diversos restaurantes, e receber a comida que escolheram sem se moverem nem um centímetro.
  • Agilidade na implementação: para começar a utilizar a plataforma e se fazer visível diante de inúmeros consumidores, basta fazer o download do aplicativo e se cadastrar no site. No geral, é um processo muito simples e rápido, pois dentro de alguns dias seu restaurante pode aparecer nos resultados de busca dos clientes.
  • Fácil de gerenciar: é possível realizar mudanças ou atualizações no menu de maneira fácil e com aplicação instantânea. Imagens, preços dos itens e novos pratos podem ser adicionados em poucos minutos. Não é necessário imprimir novamente os cardápios e panfletos cada vez que houver alterações nos pratos, como no serviço normal do restaurante.
  • Muitos consumidores em um só lugar: os aplicativos mais conhecidos possuem uma base de usuários muito grande, e, dependendo da região na qual você atua e do seu nicho dentro do ramo alimentício, seu restaurante pode ser facilmente encontrado. Logo, é possível aumentar o número de pedidos (e vendas!) além do que o espaço físico do restaurante conseguiria comportar.
  • Divulgação em massa: o uso desses aplicativos garante maior visibilidade da sua empresa e fortalecimento da marca do seu restaurante. Portanto, é possível diminuir os gastos com divulgação na internet e redes sociais enquanto garante aumento das vendas.
  • Benefícios operacionais: os pedidos são feitos mais rapidamente, não ocupam a linha telefônica e acabam por ser mais completos, já que o consumidor tem acesso a todo o cardápio (incluindo bebibas, doces e adicionais) e todo o tempo do mundo para escolher seu prato. Outro fator muito importante é que, por se tratar de um aplicativo, a chance de haver erros no pedido diminui, e o número de queixas também – afinal, o funcionário que antes atendia ao telefone não tem perigo de ouvir e digitar errado.

infografico-delivery-comida-online

Desvantagens do uso desses aplicativos

Apesar dos muitos proveitos que os apps para delivery online de outras empresas podem oferecer ao seu negócio, nem tudo é alegria. A maioria dos empresários não percebe que os pedidos realizados através destes serviços não garantem que os consumidores se tornarão clientes do restaurante. No fim, eles não passam de usuários daquele aplicativo.

No geral, este tipo de serviço não oferece o contato direto entre a pessoa que faz o pedido e a equipe do restaurante. Portanto, o estabelecimento não tem informações sobre a base de clientes que já comprou seus produtos, dificultando a aplicação das ações de relacionamento.

Sem esses dados, não há como o restaurante dizer quem são os seus clientes regulares, e conseqüentemente, isso inviabiliza a melhoria da experiência desses consumidores e evita que o estabelecimento entre em contato com eles no futuro. Portanto, a falta de conhecimento sobre os acessos no aplicativo geram menos resultados para o restaurante.

Ainda que o cliente seja leal ao restaurante, se ele fizer o pedido da mesma forma que antes (ou seja, através do aplicativo terceirizado), a empresa que oferece o app vai continuar lucrando. A ironia é que esses consumidores estão realizando pedidos desse restaurante porque eles gostaram da comida e do serviço, mas, ainda sim, o aplicativo de delivery online segue recolhendo uma boa parte da margem de lucros do trabalho suado do restaurante.

Se você preferir por continuar a utilizar um aplicativo terceirizado para ajudar a atrair mais consumidores, uma boa idéia é investir também em um sistema de pedidos online próprio do restaurante, para que os fregueses que retornarem possam fazer os pedidos diretamente do seu site (ou aplicativo) e você seja poupado de pagar comissões. Lembre-se que sua equipe trabalha duro para agradar os consumidores e trazê-los de volta ao seu restaurante… dessa maneira, seu negócio será totalmente recompensado por esse esforço.

Confira outras desvantagens da utilização desses serviços nos restaurantes:

  • Conectividade com a Internet: por ser um aplicativo que funciona basicamente online, é necessário possuir uma boa conexão com a Internet para poder receber pedidos e manter o perfil do restaurante atualizado, incluindo horário de funcionamento, tempo estimado de entrega, fotos, etc.
  • Layout padronizado: normalmente, os aplicativos dessas empresas possuem um layout comum para todos os restaurantes, fazendo valer mais o nome da marca e fotos do estabelecimento que um perfil personalizado e bem trabalhado.
  • Preço que dói no bolso: para incluir seu restaurante no aplicativo, você deve pagar uma comissão para as empresas que oferecem esse serviço. A maior parte dos apps cobra uma porcentagem que está entre 10% a 15% sobre as vendas e, em alguns casos, uma mensalidade que varia de acordo com o plano escolhido.É verdade que existem taxas mais baratas para assinar, mas isso significa que seu restaurante terá um menor posicionamento nos resultados de pesquisa do aplicativo. Isto é, quanto mais vendas o seu estabelecimento realizar online, maior será a porcentagem de suas vendas que irá para o aplicativo, desencorajando o crescimento do restaurante.
  • Concorrência acirrada: outro fator desmotivador é a grande concorrência dentro dessas plataformas de delivery online. O fato é que seu restaurante compartilha o espaço com diversos outros estabelecimentos do ramo alimentício, incluindo aqueles que trabalham no mesmo segmento que o seu (pizzarias, lanchonetes, churrascarias, etc).

aplicativos-delivery-online-restaurantes-01

Principais aplicativos de delivery online do mercado

Hoje, no mercado, existem diversos aplicativos conhecidos de delivery online, como o iFood, RestauranteWeb, Hellofood e PedidosJá. As maiores empresas são o iFood e RestauranteWeb, que se fundiram, e juntas possuem cerca de .000 restaurantes cadastrados e 5 milhões de usuários.

Para fazer parte de qualquer uma das plataformas, você deverá preencher um formulário com as informações sobre o seu estabelecimento. Os dados serão transmitidos à prestadora de serviços do aplicativo e analisados. Caso seu restaurante seja aprovado, é provável que você receba uma visita de um representante comercial da empresa para uma coleta mais detalhada de informações. Depois disso, é só fechar o contrato e dentro de alguns dias seu restaurante já poderá ser encontrado no aplicativo.

Embora sejam parecidos, cada aplicativo possui seus próprios diferenciais. Veja a seguir como funciona a atuação de cada um:

  • Ifood e RestauranteWeb: as empresas donas desses serviços cobram um plano mensal de no mínimo R$100,00 além de uma taxa de 12% sobre as vendas realizadas dentro da plataforma, ou seja, o pagamento só é realizado sobre os pedidos gerados dentro dos canais deles. Os aplicativos funcionam, por enquanto, nos seguintes estados brasileiros: CE, PE, BA, RJ, SP, PR, DF, MG, SC, RS, AM, PA, RN, GO, MT.
  • Hellofood: esse aplicativo não é exclusivo do Brasil. Além de nosso país, ele atende outros da América do Sul, como México, Chile, Colômbia e Argentina. O principal diferencial do Hellofood em relação à concorrência é o fato de que os usuários podem ganhar cupons promocionais ou de desconto para serem utilizados posteriormente, até mesmo dentro dos próprios estabelecimentos. Existem mais de 3.000 restaurantes cadastrados desse aplicativo.
  • PedidosJá: assim como o Hellofood, o aplicativo PedidosJá atua fora do Brasil também, similarmente em outros países da América do Sul, como Argentina, Colômbia, Chile, Porto Rico, Peru, Venezuela e Uruguai. Hoje, a plataforma já possui mais de 4.000 restaurantes cadastrados. É importante lembrar que o serviço dessa empresa não está disponível para todas as cidades brasileiras.

Cuidados a tomar com os aplicativos de delivery online

Antes de implantar os aplicativos de delivery online terceirizados em seu restaurante, é preciso pensar se realmente compensa oferecer serviço de entrega a domicilio. Para os estabelecimentos que já possuem um salão grande, talvez seja melhor direcionar os esforços em encher a casa e manter o movimento ao invés de começar o sistema delivery. Além disso, é necessário analisar se a cozinha (tanto espaço quanto funcionários) estará preparada para o aumento da demanda proveniente do serviço de entregas. Saiba mais sobre o serviço delivery e se vale à pena aderir a ele clicando aqui.

Tomada a decisão, inclusive a de participar de um aplicativo de delivery online, o restaurante precisa tomar alguns cuidados para se destacar no mercado e elevar as vendas. Veja algumas dicas para não errar na hora de atrair a clientela dentro do aplicativo:

Cardápio: é essencial que os restaurantes disponibilizem um cardápio mais simples para delivery, pois o excesso de informações no menu pode atrapalhar a escolha do cliente quando é realizada por meio de um smartphone.

Gerenciamento: como qualquer outro canal de vendas, é preciso ter responsabilidade e saber administrá-lo de forma efetiva. Normalmente, os aplicativos de delivery online aumentam a demanda do restaurante, tornando necessária a contratação de mais funcionários para executarem o serviço. Não cometa o erro de deixar para uma só pessoa a função de atender aos pedidos por telefone e gerenciar os pedidos do aplicativo.

Aparência: como dito anteriormente, a maioria desses apps não permitem muita personalização por parte do restaurante. No entanto, isso não significa que não se deve preocupar com a imagem empresarial dentro do aplicativo. Inclua fotos profissionais dos pratos e cardápio para se destacar, já que o consumidor não tem como sentir o cheiro da sua comida pelo celular. Fazer promoções também é uma ótima maneira de atrair a atenção de novos públicos.

Qualidade no serviço: a maior parte dos aplicativos oferece recursos de avaliação aos consumidores, para que eles possam deixar sua opinião sobre o estabelecimento no qual pediram comida para entregar. Portanto, além de produzir pratos deliciosos, o serviço de entrega deve ser eficiente, garantindo a entrega dentro do prazo estimado. É importante entender também que o atendimento vai além do momento do pedido – treinar o entregador para atender com gentileza e fornecer a ele um uniforme e crachá podem ser diferenciais para seu negócio.

Análise de relatórios: para fazer valer cada centavo gasto na mensalidade e/ou comissão paga às empresas prestadores desse serviço, consulte freqüentemente os relatórios lançados pelo aplicativo. É através da análise de resultados que se pode melhorar a qualidade do restaurante e aumentar o número de clientes e vendas concretizadas.

aplicativos-delivery-online-restaurantes-03

Solução alternativa: investir no próprio aplicativo

Uma idéia viável e que pode render muitos frutos é investir no próprio aplicativo de delivery online para seu restaurante, ao invés de utilizar um serviço terceirizado. No entanto, vale lembrar que ambas as possibilidades podem ser trabalhadas em conjunto. O ideal é ter em mente os seus objetivos de venda e comunicação antes de fazer uma escolha.

Assim como tudo nessa vida, os aplicativos próprios também possuem vantagens e desvantagens. Confira a seguir os prós e contras da implantação desse sistema para seu restaurante:

Vantagens:

  • Acesso aos dados dos consumidores que fazem os pedidos pelo seu aplicativo, facilitando as ações de relacionamento com cliente.
  • Análise de relatórios mais completos sobre o comportamento do usuário no seu site.
  • Realização de campanhas mais elaboradas, com foco no seu público-alvo.
  • Obtenção de um domínio próprio na internet (www.meurestaurante.com.br, por exemplo), o que leva a um melhor rankeamento nos mecanismos de busca como Google, Bing e Yahoo, e conseqüentemente, mais visibilidade da sua página.
  • Diminuição de gastos com telefone e agilidade nos pedidos, assim como nos aplicativos de terceiros.
  • Pagamento de um valor fixo, independente da quantidade de vendas realizadas.
  • Maior capacidade de personalização (incluindo logo, cor, ícones, etc.) e inserção de mais informações, fortalecendo a marca do restaurante.

Desvantagens:

  • Controlar por conta própria o marketing e os gastos relativos às campanhas na internet.
  • Realizar melhorias e atualizações freqüentes no site, como troca dos textos e aparência do aplicativo.
  • Treinar funcionários para utilizar o sistema de cadastro de produtos e saída de pedidos dentro da plataforma, que pode ser um pouco mais difícil que os aplicativos de delivery terceirizados.

Conclusão: qual a sua finalidade com a utilização desses aplicativos?

Realizar pedidos de comida por telefone deixou de ser um método eficiente. Diante das novas tecnologias, os pedidos pelo fixo demoram mais, dificulta a escolha do cliente em meio a tantas opções do cardápio e diferentes preços, e ainda inclui custos com chamadas telefônicas. Portanto, os restaurante que já adotaram um sistema que oferece um menu digital e trabalha com pedidos para entrega online estão na dianteira desse mercado tão competitivo.

Através da internet o cliente pode visualizar fotos dos pratos e do cardápio, consegue calcular o preço do pedido e é até mesmo capaz de efetuar o pagamento online por meio de um cartão de crédito, considerado um método mais fácil e seguro para os consumidores.

Neste cenário, os aplicativos de delivery online de terceiros oferecem uma rede de novos clientes potenciais. Eles podem fornecer serviços de marketing para donos de restaurantes independentes e assegurar um fluxo de pedidos que poderia não existir de outra forma. No entanto, o serviço de delivey online terceirizado vem com um preço alto para os proprietários de restaurantes que estão sacrificando uma parte significante de seus faturamentos e muito mais ao confiar nos aplicativos de outras empresas.

É verdade que esse serviço gera mais demanda para o restaurante, mas a principal desvantagem é a margem de lucro reduzida pela compra de clientes recorrentes. Portanto, esse modelo de negócio é muito bom para pessoas que estão começando suas empresas de delivery e pretendem sentir a pressão de como é trabalhar com um grande volume de pedidos.

Contudo, para restaurantes que já possuem uma grande demanda de delivery, os aplicativos de terceiros podem ser utilizados pra fins de marketing e comunicação. Além do mais, buscar novos clientes por outros meios pode ser mais caro e menos eficaz.

O serviço de delivery ainda tem muito chão pela frente, e cada vez mais novas tecnologias irão facilitar as vidas dos donos de restaurantes e consumidores. Descubra nos próximos artigos qual é o futuro do sistema delivery para restaurantes. Por falar nisso, o que você achou dos aplicativos de pedidos online de outras empresas?

Já trabalhou com algum deles?

Deixe sua experiência ou dúvidas nos comentários!

3 comments

  1. Claudio 21 julho, 2017 at 14:57 Responder

    Investir em um aplicativo próprio não é um bom negócio. Imagina se os usuários terão espaço em seua smartphones pra baixar todos os aplocativos? No máximo ele vai baixar uma vez. Depois vai desinstalar. Não gera recompra. Já no apps terceirizados os usuários terão um único aplicativo com várias opções. Resta para os restaurantes escolherem bem qual plataforma utilizar. Evitar aquelas estáticas que são simplesmente um canal de venda e investir naquelas que trabalham a marca do estabelecimento para promovê-la e gerar mais vendas.

    • Equipe Programa Consumer 28 julho, 2017 at 20:40 Responder

      Oi Claudio, sim, os aplicativos estão morrendo segundo muitas pesquisas, o importante é cada um analisar e colocar em prática a melhor estratégia para seu negócio. Obrigado por participar e compartilhar conhecimento. Abraços.

    • Alessandro Brandao 10 agosto, 2017 at 18:23 Responder

      Depende… o Google esta investindo em uma empresa de App de delivery, personalizado… que de acordo com pesquisas recentes, existe uma preferencia por parte dos clientes, por três a quatro restaurantes, e se esses restaurantes oferecem programas de fidelidade, por exemplo, os clientes optam por deixar no celular para continuar usando o aplicativo… aqui em campinas a rede lanchão está usando um desses apps e eu ja ganhei descontos consideráveis e brindes, pra mim compensa e muito ter o app deles instalado…

Participe e deixe seu comentário abaixo.