Como Fazer o Controle de Estoque em Tempos de Crise?

Um dos grandes desafios atuais para os restaurantes têm sido pensar como fazer o controle de estoque em tempos de crise.

Isso porque o gerenciamento de estoque é, e sempre foi, um dos pilares fundamentais para um negócio da alimentação.

Em contrapartida, a gestão de estoque nem sempre recebe a atenção que merece.

Porém, neste momento de  pandemia, ela torna-se ainda mais importante.

Por isso, é necessário estar atento e realizar uma boa gestão do estoque para evitar prejuízos e manter o equilíbrio das contas.

Pensando nisso, preparamos este conteúdo que irá abordar:

  • Como fazer o Controle de Estoque para Bares e Restaurantes em Tempos do novo Coronavírus?
  • Quais são os principais elementos de uma Gestão de Estoque em Bares e Restaurantes?
  • Solução Grátis para Automatizar e Potencializar o Controle de Estoque em Bares e Restaurantes

Então, continue lendo para saber como fazer o controle de estoque em tempos de crise!

Como fazer o Controle de Estoque para Bares e Restaurantes em Tempos de Crise do novo Coronavírus?

A reabertura de bares e restaurantes já começou a acontecer em alguns estados brasileiros.

No entanto, o movimento nos salões ainda é tímido, pois os consumidores ainda estão inseguros em relação ao coronavírus.

Portanto, não há dúvidas de que o comportamento do consumidor já mudou

Agora, é necessário que os restaurantes se adaptem aos novos hábitos de consumo dos clientes.

Assim, o recomendado é encontrar o equilíbrio entre a oferta e demanda.

Ou seja, é preciso gerenciar bem o giro de estoque e entender a fundo o comportamento de compra dos clientes.

De forma que seja possível evitar o excedente de produtos frente a uma possível queda nas vendas.

Mas também evitar a falta de produtos, caso haja aumento na demanda.

Em outras palavras: é preciso estar preparado para o der e vier! 

Fazer o controle de estoque em tempos de crise é fundamental para a sobrevivência dos restaurantes.

Aqui seguem algumas dicas essenciais para aplicar nesse momento:

  • Faça compras menores e com mais frequência;
  • Negocie prazos e pagamento com os fornecedores;
  • Realize um inventário do estoque para atualizar seu estoque;
  • Estude entenda o comportamento de compra dos clientes;
  • Faça promoções para dar saída em produtos parados.

Essas são dicas básicas, mas que podem fazer toda diferença no gerenciamento do seu estoque!

Quais são os Principais Elementos de uma Gestão de Estoque em Bares e Restaurantes?

O controle de estoque é uma relação de equilíbrio entre oferta e demanda de produtos.

Porém, encontrar esse equilíbrio é um processo complexo que envolve diversos elementos.

E todos eles precisam estar em sintonia para que o estoque esteja em dia.

Entre os principais elementos do controle de estoque, estão:

1. Planejamento de compras

Planejar as compras dos produtos é primordial na gestão do estoque.

Duas perguntas principais devem nortear esse planejamento:

  • Em qual momento e qual a quantidade de cada produto comprar?

Para isso, é importante avaliar o histórico de consumo dos seus clientes.

2. Giro de estoque

O Giro de estoque é uma ferramenta usada para administrar o estoque em vários aspectos, como o financeiro.

Além disso, é um indicador de extrema importância para avaliar a saúde do seu estoque.

A partir do giro de estoque, você terá indicadores importantes sobre o seu negócio.

Com isso, poderá tomar decisões e planejar estratégias mais assertivas.

3. Inventário

O inventário está ligado, principalmente, ao armazenamento físico do estoque, mas também financeiro.

Ele deve ser realizado periodicamente para verificar se o estoque físico está de acordo com os dados de entrada e saída do estoque.

Para isso, é necessário registrar de forma adequada todas as entrada e saídas dos produtos. 

4. Curva ABC

A curva ABC é uma ferramenta poderosa para gerir o estoque.

Ela se baseia no princípio da lei de Pareto.

Essa lei determina que 20% dos seus produtos são responsáveis por 80% da receita do restaurante.

Para entender mais sobre a Curva ABC, leia este outro artigo.

5. Boa Relação Com Fornecedores 

Escolher bem seus fornecedores e preservar uma boa relação com eles é imprescindível em momentos de crise econômica.

Pois assim é possível ter flexibilidade para negociar prazos, preços, condições e tempo de entrega.

6. Automatização do Controle de Estoque

Outro elemento bastante importante é a automatização do seu controle de estoque.

Contar com um sistema de gestão que automatize esse processo aumenta sua eficiência!

Por isso, recomendamos o Programa Consumer!

O Programa Consumer automatiza o controle de estoque do seu restaurante!

Solução Grátis para Automatizar e Potencializar o Controle de Estoque em Bares e Restaurantes

Esqueça as planilhas de Excel, que além de demandar muito tempo e paciência, oferece grandes riscos de erros.

O Programa Consumer ajuda a descomplicar a gestão de estoque do seu restaurante!

Com a nossa solução, seu controle de estoque será automatizado, simplificando sua vida!

A solução de controle de estoque do Consumer permite:

  • Fazer o Controle de Ficha técnica
  • Determinar o estoque mínimo, máximo e o ponto de reposição dos produtos
  • Classificar os produtos automaticamente na Curva ABC
  • Ter Indicadores do comportamento de consumo dos clientes
  • E ainda realizar com eficiência as entradas e saídas de produtos

O Programa Consumer vai facilitar a gestão de estoque do seu restaurante!

Não perca tempo e Experimente grátis agora mesmo!

Participe e deixe seu comentário abaixo.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.