Restaurante Pet Friendly: um negócio animal

Você já deve ter ouvido falar muitas vezes o termo Pet Friendly, mas já parou para pensar exatamente o que ele significa?

A relação entre o ser humano e os seus animais de estimação é muito mais profunda do que possamos imaginar.

Não à toa, existe aquele famoso ditado em que se diz que o “cachorro é o melhor amigo do homem”.

Mais do que uma companhia, os bichinhos são considerados como parte da família. 

Já que adotá-los envolve uma escolha importante na vida dessas pessoas.

Gatos e cães necessitam de atenção, cuidados especiais e bastante tempo.

Dessa forma, o afeto desenvolvido entre o pet e seu dono é um elo muito forte e cheio de sentimentos.

É o que explica o amor intenso existente entre eles

Além disso, os bichinhos são adorados por muitas pessoas. Por onde passam, sempre acabam roubando a cena.

Por isso, seus donos fazem questão de levá-los junto a todos os lugares.

Inclusive a restaurantes!

Quer saber por que abrir as portas do seu estabelecimento para os pets é uma oportunidade de atrair clientes?

Continue lendo o artigo!

Cães e gatos são os animais de estimação que costumam acompanhar seus donos em restaurantes pet friendly.

O que é o conceito Pet Friendly?

Em uma tradução livre, Pet Friendly significa “amigável aos animais”.

Tal conceito se refere aos estabelecimentos onde os animais de estimação são mais que bem-vindos. 

Ou seja, os pets podem circular no mesmo espaço destinado aos seus tutores.

Como uma forte tendência do mercado, muitos estabelecimentos têm aberto as portas para os animais domésticos. 

Hotéis,  pousadas, shoppings, salão de beleza, cafeterias, lanchonetes, sorveterias e restaurantes estão entre eles.

A procura por esses estabelecimentos é grande porque é uma opção para aqueles que não têm onde deixar o amigo de quatro patas ou não gostam da ideia de deixá-los sozinhos em casa.

Principalmente nos casos em que por não poder entrar com seus pets em alguns espaços, os donos são obrigados a deixá-los no carro.

Uma prática que oferece risco à saúde e à vida dos peludos.

Donos e donas de pet dão preferência para Restaurantes Pet Friendly. Eles estão dispostos a pagar mais por estabelecimentos que dão atenção aos seus animais.

Por que adotar o conceito Pet Friendly em seu Restaurante?

O mercado de serviços e produtos pet cresce cada vez mais e sem precedentes.

Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), só em 2018 o setor movimentou 20,3 bilhões de reais na economia. 

Para se ter uma ideia desse crescimento, hoje já existem até restaurantes exclusivamente criados para os companheiros de quatro patas.

Esses espaços oferecem biscoitos, refeições e até bolos. Além de espaço de lazer onde os pets podem ficar à vontade!

Neles, os humanos é que são os intrusos.

Todos os dias, vários produtos são desenvolvidos a fim de atender as necessidades dos animais de estimação. 

Inclusive, produtos de luxo em diferentes segmentos, tais como: pet vet, pet care e pet food.

Isso só comprova o quanto esse nicho é um potencial de crescimento para quem decide empreender no ramo.

Na área da alimentação, é possível aproveitar essa onda tornando-se um estabelecimento pet friendly.

É o que muitos restaurantes já têm feito!

Aderindo à essa causa animal, você pode aumentar suas vendas e ainda fortalecer a imagem do seu negócio.

Isso porque recebê-los em seu espaço será um grande diferencial que vai destacar seu restaurante da concorrência.

Afinal, qual  “pai” ou “mãe” de pet vai preferir frequentar lugares em que não é permitido que os seus pets entrem com eles tendo a opção de levá-los a lugares em que são aceitos?

A probabilidade é muito pequena!

Aliás, esse pode ser uma excelente forma de fidelizar clientes também.

Segundo pesquisa, 48% dos consumidores deixaram de frequentar estabelecimentos que não aceitam seus pets.

Em contrapartida, para 58,5% o fato de ser pet friendly influencia na decisão de consumir ou não no local.

O que é preciso para tornar seu restaurante Pet Friendly?

Para adotar essa política, é necessário entender que não se trata apenas de marketing.

Os donos de pets precisam sentir que seus animais são realmente respeitados e aceitos nos espaços.

Além disso, antes de tomar a decisão, seu espaço deve estar apropriado para recebê-los.

Essa é uma decisão que precisa ser tomada com responsabilidade!

Portanto, há alguns investimentos e medidas a serem tomadas para adequar seu restaurante ao novo público.

Confira:

  1. Oferecer uma área externa exclusiva para os pets ficarem acomodados;
  2. Ou permitir que os bichinhos fiquem com seus donos ao lado da mesa;
  3. Oferecer bebedouros com água fresca;
  4. Oferecer comedouros com ração;
  5. Disponibilizar saquinhos de lixo;
  6. Disponibilizar coleiras;
  7. Instalar ganchos para prender as coleiras.

Oferecer água e ração para os pets é um diferencial.

Para além dos estabelecimentos, os clientes também precisam respeitar o espaço, usando o bom senso.

Se o pet não é acostumado a frequentar ambientes com outros animais ou muito movimentados, é melhor não levá-los para evitar contratempos.

Assim, prevalece o bem estar de todos.

Regras para negócios da alimentação Pet Frien.dly

Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) exige que algumas normas sejam cumpridas pelos negócios da alimentação que aderem ao Pet Friendly.

Fique por dentro:

  • Dispor de um espaço externo para acomodar os animais domésticos;
  • Ter um ponto de água na área externa para abastecer os recipientes
  • Contratar um profissional exclusivo para a limpeza do local;

Essa última exigência é de extrema importância!

Por se tratar de um ambiente em que alimentos são manipulados e consumidos, a limpeza local deve receber bastante atenção para não afastar clientes.

Divulgue que seu restaurante tem um diferencial

Para atrair os amantes de pets, eles precisam saber que o seu restaurante é inclusivo.

Portanto, não se esqueça de divulgar nas redes sociais e canais de comunicação que o seu estabelecimento é pet friendly!

Saiba que muitos consumidores deixam de frequentar certo lugares justamente por não saber se os seus pets são aceitos ou não.

Outra boa ideia é realizar eventos em seu espaço promovendo o encontro de donos de pets e seu animais para disseminar boas práticas e dicas desse mundo.

Vários clientes do Programa Consumer já aderiram ao pet friendly em seus negócios e fazem o maior sucesso!

Além de oferecer um ambiente amigável para receber os animais, eles oferecem um atendimento ao seus donos com muita qualidade com a ajuda do Consumer.

Teste grátis por 15 dias em seu restaurante!

Participe e deixe seu comentário abaixo.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.